O QUE ME DIZ SOBRE ISSO?


Não vou ser profunda demais pra não acabar te afogando. Não vou te assustar dizendo o quanto eu te amo, nem contar que os meus planos mais clichês incluem você.

Dessa vez eu vou manter a calma, prometo, nada de textões - a não ser esse. Por enquanto vou dar um passo de cada vez, você já conhece minhas cicatrizes, sabe como vai ser.

Sem plateias, sem exposição. Só nos dois e essa confusão que chamamos de amor. E esse amor que chamamos de casa. E essa casa que só vive bagunçada.

Prometi que não ia exagerar, mas como não falar desse teu sorriso? Desse teu olhar que faz minha pele arder toda vez que me observa. Da tua mão que se encaixa perfeitamente na minha. E desse teu abraço apertado, dos nossos braços que se fazem laço na medida certa. Dessa paz que você me traz.

Por vezes penso antes de enviar qualquer mensagem, salvo imagens fofas que um dia sei que vou usar com você, mas que esse dia não é hoje e esse momento não é agora.

Por hoje não, nada de complicações, nada de decisões difíceis a serem tomadas, hoje eu só quero ficar com você. Deixa o resto pra depois, por agora vamos só pensar em nós dois. O que me diz sobre isso? Espero que seja um sim, mas sem pressão, sem pressa.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.